Oi pessoal, tudo bem?

Faz um tempo que não posto nada sobre os EUA, porém no meu Instagram tenho colocado várias diquinhas! Você pode seguir a gente @cajuinaefrevo ou checar a hashtag #dicasdewdc  onde eu posto as coisas que faço por aqui e que nem sempre rola de colocar no blog.

Esse ano resolvi que vou explorar um pouco mais de Washington, porque tem muita coisa pra ver e a gente acaba se esquecendo, sendo assim eu fui ao Museu National Geographic e vou mostrar um pouquinho aqui pra vocês!

Respondendo de cara: Quanto custa? São $11 para adultos | Membros, Militares e Estudantes $9 | Crianças de 5-12 anos $7

Website:  Clique aqui.

Onde fica? Bem em downtown DC, 1145 17th Street, NW.

Quando abre? Todos os dias das 10am – 6pm (não abre no Thanksgiving e Natal)

É fácil ir de carro? Sim, desde que você pague estacionamento na rua ou particular.

Como ir de metrô? As estações mais próximas são: Farragut North (linha vermelha) | Farragut West (linha azul) | McPherson Square (linha laranja)

Bom, vamos ao museu!!!

Logo na entrada tem esse mini grand canyon no teto que é linda, mas é só isso. Pensei que veria mais coisas, mas é isso o que tem e se quiser =)

entrada

Chão também na entrada!

fotochao

Precisa sempre ficar de olho nas exposições que estão rolando no museu, porque elas sempre mudam. Dessa vez estava acontecendo a FOOD: Our Global Kitchen e ela vai até o dia 22 de Fevereiro 2015.

Eu gostei bastante da exposição e sempre o que me chama atenção nos museus aqui é a forma interativa com que eles fazem tudo acontecer! Não existe achar museu chato desse jeito e para as crianças é ótimo!!!

colagem1

A foto abaixo é parte de um painel onde mostrava o que se comia de café da manhã em diferentes Países. Do ladro esquerdo tem a foto de uma fruta que se come na Jamaica (Deus sabe o nome, porque eu já esqueci faz tempo), daí do lado direito mostra eu abrindo a foto, onde tem as explicações. Isso é bem comum de ver em museu aqui e as crianças E ADULTOS adoram.

colagem6

Outra parte interativa foi essas estações de ervas e especiarias (tinha uma de chocolate também) com um botão para você apertar e sentir o cheiro do tal treco! E sim, o cheiro do tomilho era tomilho, da canela era canela e assim por diante! Achei muito legal e ainda lembrei da minha avó quando senti o cheirinho de erva-doce, que saudades!!!! =)

colagem3

Essa foto logo abaixo era uma parte de um vídeo com duração de uns 5 minutos que mostrava a cultura alimentar de uma família Chinesa. Falava de como o Ano novo era importante para eles, muito mais do que o Natal, em um depoimento a mocinha chinesinha disse ”Na família podemos perder o Natal, mas jamais o Ano Novo com a família!”. Assim como no Brasil, eles também tem comidas típicas de ano novo que representa coisas diferentes como sorte e vida longa, legal né? Porque aqui nos EUA não tem nada disso no Ano Novo =(

colagem5

E a expô segue com fotos lindas, muita cultura e explicações sobre as coisas! A foto das caveiras que você vê aqui embaixo, fazia parte da decoração da área reservada para comidas que diferente povos servem aos espíritos!

colagem4

colagem8

Nessas fotos haviam cenários perfeitos de ceias de antigamente. Tinha até a refeição dos homens das cavernas e a quarta fotinho mostra um sorvete. Dizia que antigamente o sorvete só era servido pra granfino e ainda em shapes diferentosos.

colagem7

A segunda exposição que estava rolando lá era sobre os Spinosaurus: Lost Giant of the Cretaceous! Wow, que nome! Pois é, estava mostrando um pouco de como os ossos desse dinossauro foram encontrados e destruídos na Segunda Guerra Mundial. Essa fica lá até 12 de Abril de 2015.

Quando você compra o ingresso já tem acesso a todas as coisas que estão rolando no museu, mas eu me interessei bem mais pela expô de comidinhas e isso por puro interesse mais em uma coisa do que em outra, porque ambas estavam lindas.

colagem10

Reparem no tamanho desse ”peixe” à direita!!! =0

colagem11

colagem9

Lembra que eu falei ali em cima sobre os museus serem interativos? Então, nessa área também tinha bastante coisa, mas eu não registrei todas elas e tudo bem, mas registrei essa aqui ô:

Eu não sei que danado era isso: dente de dinossauro? pedras da época? tudo junto? Mas você podia tocar nelas e sentir a textura.

dinossauros

Para acabar o post, queria dizer que no fundo desse museu tem um pátio bem bonito que no verão ou pelo menos quando não estiver tããããooo frio, dá pra levar seu sanduíche e comer lá fora. Suuuper comum aqui na gringa!

patio

E essa é a lojinha...Ai gente, eu AMO lojinha de museu principalmente para comprar itens para o meu sobrinho, mas a dica é: veja o que você quer, fotografe e encontre no Amazon por mais da metade do preço depois. Claro que existem itens que são muito específicos, mas tem muita coisa que você encontra depois.

shop

Foto da fachada.

NatGeo_9893

Gostaram gente?

Beijos!!!

Carol